Democratização da Comunicação, Reformas de Base e Direitos Humanos

7 de janeiro de 2011

Mesmo de férias, Lula sofre preconceito da mídia

Bemvindo Sequeira é autor, ator e diretor de teatro.
Do  Rede Liberdade

Qualquer cidadão que já tenha feito o serviço militar no País sabe que o cidadão comum pode hospedar-se nas dependências das FFAA brasileiras, quer nos seus hotéis, "cassinos" etc. desde que haja vagas, e se  autorizado ou convidado.
Existe até o diploma de "Amigo do Exército", homenagem oferecida em cerimônia geralmente no Dia da Infantaria.
A oposição elitista continua morta de inveja de Lula.
"Como pode um homem comum hospedar-se no Forte dos Andradas, e quem está pagando  suas férias?"
O que querem dizer com isto , mais uma vez é: "como este pobre, grosso e  analfabeto goza destas vantagens?"
Chega ao cúmulo de  dois jornalistas da "Folha" tentarem invadir  a privacidade do descanso do ex-presidente, e denunciarem como atentado à liberdade de expressão terem sido barrados pela segurança, e terem suas máquinas revistadas.
Oposição e Folha precisam mais uma vez saber :
87% dos lares brasileiros receberiam de bom grado, como hóspede,  o Presidente Lula e sua família.
E tenho certeza , ele adoraria comer um feijãozinho caseiro.
Da minha parte Presidente: pode chegar, a casa é sua, tão sua como o Forte dos Andradas.

Um comentário:

  1. É por isso que o meu relacionamento com o PIG é muito simples: Eles não me mostram o que eu preciso ver e eu não vejo o que eles querem me mostrar. Me informo aqui com vocês, nas TVs públicas, comunitárias e universitárias. A tragédia é que isto ainda é um privilégio de poucos. Com a universalização da banda larga e digitalização das TVs o povo brasileiro será liberto desta mídia que insiste em não cumprir o seu papel social enquanto serviço público que é, prestado por empresas privadas mediante concessão.

    ResponderExcluir