Democratização da Comunicação, Reformas de Base e Direitos Humanos

8 de julho de 2017

Rogério Correia: Globo quer instituir governo tampão de Maia e prorrogar eleição de 2018, para aprofundar retirada de direitos

Nesta sexta-feira (07/07), o deputado estadual Rogério Correia (PT-MG) mandou por whatsapp a seguinte mensagem para quem está na sua lista:
Temer viajou sabendo que os ratos já migram para o navio de Maia.
Demorratos, tucanorratos e até ratos de seu partido.
Só Diretas mata este tipo de ratos!
Se alimentam da desgraça do povo brasileiro e no navio de Maia continuarão a roer com mais violência a aposentadoria dos pobres, os direitos dos trabalhadores , a soberania da PETROBRAS e a democracia!
Só a luta salva!
#ForaTemer
#ForaMaia
#NenhumDireitoMenos
Rogério Correia- deputado/PT
— Deputado, sobre os ratos algo mais a dizer? – perguntei-lhe. 
Claro que tinha. E fez estas graves denúncias:
— Nas últimas horas, conversei com vários deputados federais, com pessoas experientes que viveram o Golpe de 1964. Cheguei à conclusão de que os golpistas agora querem consolidar no Brasil  o golpe do golpe.
— A Globo, que fez campanha pela derrubada da presidenta Dilma e apoiou sempre o usurpador Michel Temer (PMDB-SP), resolveu mudar o disco. Toda essa campanha contra o Temer não é apenas para substituí-lo pelo Rodrigo Maia (DEM-RJ) e continuar as reformas antipopulares.
— A Globo  quer  aprofundar a retirada de direitos e a implantação do  projeto neoliberal de cunho imperialista norte-americano. Essa é a jogada da Rede Globo.
— Ora, todos sabem que se houver eleição este ano ou em 2018, o Lula ganha. E a Globo não quer o Lula.
— O que a Globo quer, agora, é instituir o governo tampão do Rodrigo  Maia e, posteriormente,  prorrogar as eleições de 2018 para 2020, fazendo que as para presidente, governadores, deputados federais e senadores coincidam com as de prefeitos e vereadores.
—  Oficialmente, o discurso é de que a unificação vai baratear o custo das eleições. É o primeiro argumento.
O segundo argumento  — que é o da própria Globo — é de que o Brasil não sobrevive sem as reformas trabalhista, da previdência, da Petrobras. São necessários mais dois anos de mandato tampão. E que “nós” —  leia-se Globo! — precisamos de mais dois anos de mandato para que essas “reformas” se consolidem.
—  Deputados federais golpistas estão muito satisfeitos, pois ganhariam dois anos de mandato assim como os senadores.
— É claro que a maioria dos deputados federais e senadores vai  aprovar isso. Afinal, ganhariam mais dois anos de mandato. E na baixa que estão, muitos deles dificilmente seriam reeleitos. Então, seria uma solução para eles também.
— Só não é solução para o povo, porque através desse golpe das elites todo o ônus  vai ficar em cima dos trabalhadores e da população mais pobre. As elites, para variar, não vão pagar um centavo da crise que elas próprias criam no interior do capitalismo.
—  Tanto que não se fala em criar imposto para grandes fortunas… Não se fala em acabar com a Lei Kandir, para que os estados possam cobrar  ICMS das empresas exportadoras que foram isentas de imposto pelo governo FHC…
— Nada de sacrifício para as elites. Não se fala em diminuir salário de deputados, juízes, nada! Tudo vai para as costas dos mais pobres. Esse é o meu temor.
— Deputado, certos parlamentares dirão que a prorrogação de mandatos é paranóia do senhor. O que diria para eles?
— Quem viver, verá. A Lava Jato está ficando para trás e o senador Aécio Neves, para acalmar o reino tucano, sendo protegido de novo.
A Globo vai fingir que toda a corrupção acabou e que a economia está recuperando, para ver se o Rodrigo Maia emplaca. Se der certo a estratégia, ela começará o manjado discurso da “trégua em nome da estabilidade”. E tome perda de direitos, de soberania e repressão em cima de quem ousar lutar. Lembre-se de que o STF e MP estão dominados. Golpe é golpe! Só a luta vai nos salvar de tanta destruição e armação patrocinadas pela Rede Globo.



Por Conceição Lemes no Viomundo

Nenhum comentário:

Postar um comentário