Democratização da Comunicação, Reformas de Base e Direitos Humanos

23 de janeiro de 2011

Leonel de Moura Brizola, parabéns pelo teu aniversário

Leonel de Moura Brizola, faria ontem 89 anos. Entrou para a história política do país resistindo  aos golpistas de 1964 com a rede da legalidade e lutando pelas reformas de base que se realizadas levariam o país a condição de nação soberana e desenvolvida. E foi através do seu discurso, ideias e projetos, que após eu ter vivido dos 12 aos 33 anos, uma ditadura civil-militar, pude ainda adquirir o gosto pela política.

Muito me chamava a atenção, o por que, de um homem que assinou com o Japão um contrato para despoluir a Baía de Guanabara, criou uma empresa pública de ônibus elétricos, silenciosos e não poluentes, fez a primeira linha expressa do Rio de Janeiro, que na Avenida Presidente Vargas além da estátua de Zumbi dos Palmares, construiu a maior biblioteca pública da América Latina, uma fábrica de escolas públicas de tempo integral, além de muitas outras realizações, era tão odiado pelas elites civis e militares e tão perseguido pela rede globo, que trabalhou para destruir sua imagem, enquanto ele viveu.

Leonel de Moura Brizola e o sonho de se fazer as reformas estruturais que o Brasil precisa e ainda não fez, para enfim se tornar uma nação soberana, reformas na educação, na economia, na política e na cultura do nosso povo, continuam vivos. E hoje com muita emoção eu o homenageio e o parabenizo pelo seu aniversário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário